terça-feira, 10 de novembro de 2015

Crente que era prostituta é expulsa de igreja

Segredo foi descoberto após um irmão da igreja se passar por cliente
Joana Almeida era fiel da Assembleia de Deus em Lajeado Novo, no Rio Grande do Sul. Acontece que a jovem frequentava a igreja a noite e durante o dia resolveu fazer programas. Segundo informações, a citada 'irmã', tinha como clientes membros da igreja e até menores de idade.

Tudo começou aos poucos. Primeiro ela passou a postar fotos sensuais aconselhada por uma amiga. Apontada como iniciante no 'ramo', a loira começou a cobrar apenas R$ 200,00 por hora. A 'crente da prostituição', foi citada em um blog e agora ficou famosa.

O segredo foi descoberto após um irmão da igreja se passar por cliente e investigar o caso. Em uma conversa por meio do WhatsApp, Joana negocia valores para um programa com o suposto cliente. “Boa tarde Joana, tudo bem ? Me sugeriram você como acompanhante. Tens agenda pra quando ? E quais os valores ?”, escreveu o fiel que se passava por cliente. De imediato Joana responde. "Para quando você quer vir."

A liderança decidiu então afastar Joana da igreja.

A prostituição é uma prática veementemente vetada na Bíblia. Mas, o mesmo livro prega o perdão. Você acha que os lideres fizeram certo em afastar Joana da igreja?

Com informações de Meio Norte | Pátio Gospel Notícias
Seja ético, cite sempre a fonte.

crente prostituta

Joana Almeida

Assembleia de Deus
igreja
Comentários
3 Comentários

3 comentários :

  1. Sim acho q a dita falça irmã tinha q ser disciplinada, mas em se arrependendo pode voltar ao ceio da Igreja...

    ResponderExcluir
  2. por isso que nao quero ser crente prefiro ser temente de Deus

    ResponderExcluir
  3. Não tem como ser temente a Deus praticando voluntariamente todo tipo de pecado! Quem teme a Deus, obviamente temerá a sua palavra, e sua palavra tem um padrão moral, ético e espiritual a ser seguido e obedecido, independente do que pensamos! Deus ama o pecador. Mas, aborrece o pecado! Não deveriam expulsar a jovem, mas, dá assistência, orientação, e disciplina-las a luz da bíblia. Porém, se ela não quisesse abandonar a prática, poderia CONGREGAR, só não seria MEMBRA, pois,para ser teria que acatar o estatuto e os critérios da igreja. Todavia,a igreja é livre para todos.

    ResponderExcluir


Rodas de Conversas
Copyright © 2009 - 2015 Patio Gospel Notícias
Design by FBTemplates - Traduzido Por: Templates